Já mudámos a vida de muitas famílias. Agora podemos mudar a sua também.

1 de agosto de 2014

Benefícios de comer em família





Há quanto tempo não janta em família? Será uma coisa do passado? Tornou-se obsoleto nestes tempos de mudança? Nas famílias de hoje em dia, onde ambos os pais vão trabalhar e as crianças têm horários ocupados com a escola, trabalhos de casa e uma série de atividades durante a tarde, encontrar tempo para uma reunião à volta da mesa parece quase impossível. 

No entanto, estudos têm mostrado repetidamente que comer juntos tem múltiplos benefícios para todos os envolvidos, mas especialmente para as crianças, e não só para fins nutricionais, mas em muitos outros aspectos também. 

De acordo com uma série de relatórios emitidos pela Universidade de Columbia (CASA), as crianças que comem pelo menos cinco vezes por semana com a família estão em menor risco de desenvolver maus hábitos alimentares, problemas de peso ou de álcool e dependências de substâncias, e tendem a ter um melhor desempenho académico do que os seus pares que frequentemente comem sozinhos ou longe de casa. 

Comer juntos em família, não é apenas um bom hábito de alimentação e nutrição. Trata-se de civilizar as crianças, integrando-as como membros da sua sociedade e cultura, diz Robin Fox, um professor que ensina antropologia na Universidade de Rutgers, em Nova Jersey. 




Além de apreciação do valor dos alimentos e do trabalho que dá para preparar uma refeição, há também muitos elementos sociais que entram em jogo quando as famílias compartilham as refeições, diz Miriam Weinstein, autora de "O Poder Surpreendente das refeições familiares". 

A mesa de jantar pode ser o ambiente perfeito, onde as crianças aprendem como conduzir conversas, observar as boas maneiras, servir os outros, ouvir, resolver conflitos e assumir compromissos. 

Contudo, não há nenhuma garantia de que o simples acto de comer em casa, rodeado pela família irá salvar as crianças de desenvolver estilos de vida doentios ou fazer escolhas menos boas ​​pelo caminho. Não pode torná-los mais virtuosos ou socialmente mais responsáveis. Mas pode lançar as bases para muitas coisas que apontam numa direção positiva.


Reactions:

0 commentários:

Enviar um comentário