Já mudámos a vida de muitas famílias. Agora podemos mudar a sua também.

30 de dezembro de 2013

Relógios de parede

Aproveitando a época e a contar o compasso do tempo, sabemos como é importante para si estar orientado no tempo e no espaço. Com a azáfama dos dias de hoje quantas vezes não gostaríamos que os dias tivessem 48 horas? 

E para que não se perca nas horas, o Querido hoje foi buscar algumas formas originais de não perder a conta do tempo passar em sua casa!











Ano novo, mesa nova!

Todos os anos por esta altura há um misto de emoções que nos invade a alma. Se por um lado nos sentimos nostálgicos com a passagem de mais um ano, por outro, o entusiasmo e esperança que se deposita no novo ano que chega é notório. Tal é a alegria esperançada nos corações que a chegada do novo ano é normalmente celebrada em grande e junto dos que mais ama. 

E como o Querido gosta de dar sempre uma sugestão no que toca a decorações para celebrações, partilhamos hoje algumas sugestões de mesas para esta data tão especial. Inspire-se!









24 de dezembro de 2013

Ambientes de Natal

Debaixo de tanta chuva e alertas laranjas, o que apetece mesmo nesta consoada é estar em casa, rodeados de amigos e da família. E porque o nosso lar é onde nos devemos sentir mais reconfortados, hoje partilhamos alguns ambientes desta quadra mágica e colorida! Qual é o vosso favorito?








23 de dezembro de 2013

Receita de biscoitos natalícios



Com o Natal à porta a azafama das últimas compras e o burburinho dos mais pequenos pela casa à procura dos presentes, não pode faltar uma mesa bem recheada. E por isso mesmo, hoje sugerimos uma receita que agrada dos mais pequenos aos mais graúdos: biscoitos natalícios, bem apetitosos, e que podem ainda ser enfeites comestíveis da sua árvore de Natal!!






Ingredientes:

2 xícaras de farinha de trigo
Uma pitada de sal
1 colher (chá) de fermento em pó
1 colher (chá) de canela em pó
Pimenta-do-reino a gosto
1 tablete de manteiga
1/2 xícara de açúcar mascavado
1 ovo grande
1/4 xícara de mel 

Modo de preparo:

Misture a farinha, a manteiga, o açúcar mascavado, o fermento, o sal, a canela e uma pitada de pimenta-do-reino em uma batedeira. 
Noutro recipiente, bata o ovo com o mel e adicione à mistura seca.

Quando a mistura formar uma massa, faça dois discos grandes, cubra-os com papel celofane e deixe-os no frigorífico por 20 minutos.
Com um rolo, abra a massa – nem muito fina, nem muito grossa –, polvilhe com farinha e corte em formatos de sua preferência. Faça um furinho em cima do biscoito caso queira pendurá-lo na árvore de natal. 

Leve ao forno médio por 10 a 15 minutos e espere que arrefeça. 






Para a cobertura branca 

Ingredientes:

300g de açúcar de confeiteiro
3 colheres (sopa) de água
Granulados dourados ou prateados

Modo de preparação:


Misture o açúcar de confeiteiro com o pó de merengue e três colheres (sopa) de água, e bata até que engrosse suficientemente para cobrir os biscoitos com uma camada. Use a parte traseira de uma colher para espalhar. Decore com enfeites prateados ou dourados por cima.


21 de dezembro de 2013

Tampos de mesa personalizados

Estamos em época natalícia, e um dos elementos mais importantes da casa nesta altura, são as mesas! 
É à volta da mesa que se juntam os parentes, que se partilham os comes e bebes, e que se brinda à união da família.

Já tínhamos feito um post relativo a quadros de recados decorativos, hoje vamos falar de tampos de mesa personalizados. É que numa superfície semelhante aos quadros de ardósia poderá fazer e desfazer as decorações e recados que quiser. Eis uma ideia original:





E para os mais pequenos se divertirem enquanto os graúdos se alimentam:


20 de dezembro de 2013

Loja Querido aberta no Domingo.

Aproveite os 20% desconto até ao Natal, e visite a Loja Querido este domingo também!



www.lojaquerido.com





19 de dezembro de 2013

Campanha Anual de Peluches IKEA reúne 117 peluches!


O Querido, mudei a casa e a Ana Antunes foram parceiros da IKEA na Campanha Anual de Peluches da IKEA "Doe 1 Peluche, Ofereça Mais um Sorriso". 
O nosso blog contribuiu com 2.302 cliques, tudo graças aos nossos seguidores! 

Através dos vossos cliques a IKEA reuniu 117 peluches nesta campanha. Hoje dia 19 de Dezembro, às 17:30 foi realizada uma oferta formal de todos os envolvidos para escolherem, em conjunto, os peluches na loja de Loures e fazer a doação nos recetáculos da atividade! Certamente que esta iniciativa irá gerar muitos sorrisos!

Um muito obrigada aos nossos fãs, sem vocês nada disto seria possível! 

Desde 2003, a Campanha de Peluches pela Educação já ajudou mais de 10 milhões de crianças através de 90 projetos em 46 países diferentes. 

A Campanha Anual de Peluches da IKEA, continua até 27 de dezembro, nas lojas IKEA. Quanto mais peluches comprar, mais estará a ajudar!

Tapetes mágicos

Os tapetes em sua casa são um factor muito importante. O chão dependendo de como é forrado e adornado pode mudar substancialmente o ambiente de cada divisão. As carpetes e tapetes dão instantaneamente vida a qualquer espaço e podem constituir um óptimo ponto de partida para a sua decoração. 

Para além do aspecto decorativo, os tapetes oferecem conforto, protegem o chão de riscos ou escondem de eventuais defeitos, e abafam alguns ruídos. 

Hoje decidimos viajar até à historia das "Mil e Uma Noites" e fazê-lo voar pela imaginação através do design criativo destes tapetes!








17 de dezembro de 2013

O ambiente do seu local de trabalho.

Trabalhar num escritório pode ser uma atividade muito monótona, especialmente se o interior do seu local de trabalho for aborrecido e desinteressante. 

Vários estudos sobre o comportamento dos colaboradores e produtividade demonstram que a produtividade das pessoas que trabalham num escritório aumenta, em grande medida, quando trabalham num ambiente interessante e criativo. 

Se pensarmos nisso, trabalhar num escritório será muito mais divertido se o seu interior também for criativo e interessante. O meio que nos envolve influencia o nosso estado de espírito e a decoração é um factor importantíssimo no qualidade de vida das pessoas. 

Hoje mostramos-lhe inspirações de escritórios muito criativos.










12 de dezembro de 2013

Como e onde guardar o vinho?


Este post é especialmente dedicado aos amantes do elixir do deus Baco. Não basta saber escolher e apreciar um bom vinho. É preciso saber como o armazenar em sua casa.

Siga as seguintes dicas:






Local

O local escolhido para armazenar vinho deve ser escuro, ou seja, protegido de luz solar direta e até da iluminação artificial, nomeadamente as luzes fluorescentes – a exposição contínua a qualquer tipo de luz direta pode penetrar a garrafa e alterar significativamente o sabor e o aroma do vinho. Os vinhos brancos são mais sensíveis à luz do que os vinhos tintos, no entanto, ambos devem ser resguardados: se não tiver uma adega, uma despensa ou um armário fechado, guarde as garrafas numa caixa ou tape-as com um pano. Evite guardar garrafas de vinho junto de fontes de calor (em cima do frigorífico ou junto do mesmo, por exemplo) e nunca em conjunto com alimentos ou produtos com aromas fortes. Os frigoríficos garrafeiras (ou caves de vinhos) são também uma excelente opção para armazenar apropriadamente garrafas de vinho.





Temperatura

O local onde armazena o vinho nunca deve atingir a temperatura máxima de 24ºC, uma vez que a esta temperatura o vinho começa a oxidar, acabando por se estragar por completo. A temperatura ideal para guardar vinho são 12ºC, mas se essa temperatura baixar, não irá prejudicar o vinho – apenas irá retardar o processo de envelhecimento do vinho. O armazenamento adequado do vinho também tem de ter em conta uma temperatura o mais constante possível e se existirem flutuações estas devem ser graduais. Embora o vinho tinto seja mais suscetível às flutuações de temperatura do que o vinho branco, a verdade é que quanto mais flutuar a temperatura, maior o risco do vinho envelhecer prematuramente. Por isso mesmo, a temperatura no local de armazenamento do vinho não deve flutuar mais de 1.6ºC num dia e 2.7ºC num ano.

Humidade

A humidade é outro fator que pode influenciar, negativamente, uma garrafa de vinho – se o nível de humidade estiver muito baixo, as rolhas vão secar e mingar, o que permite a entrada de oxigénio na garrafa e a consequente oxidação do vinho. Nesse sentido, o nível de humidade ideal situa-se entre os 65% e os 75%.



Posição

Em termos de posição, a forma mais apropriada para armazenar garrafas de vinho é horizontalmente. Porquê? Porque ao manter as garrafas deitadas, as rolhas irão estar em contacto permanente com o vinho, mantendo-as húmidas e intactas, o que inibe a entrada de oxigénio. O oxigénio rapidamente oxida um vinho, estragando a sua cor, aroma e paladar – algo que pode facilmente acontecer quando as garrafas são guardadas muito tempo na posição vertical.

Movimento

Guardar garrafas de vinho sobre ou muito próximo de eletrodomésticos, principalmente aqueles que têm uma ação vibratória, é desaconselhável. Se uma garrafa de vinho estiver constantemente ou mesmo frequentemente sujeita a movimentos e/ou vibrações, estas podem contribuir para a alteração e consequente deterioração do vinho. Neste sentido, as pequenas garrafeiras em madeira ou plástico são aconselhadas para guardar vinho porque permitem reservar um espaço para cada garrafa, ou seja, sempre que pegar numa garrafa não perturba nenhuma das outras.   

Tempo

Nem todos os vinhos melhoram com o tempo, o que significa que praticamente todos os vinhos têm um prazo de validade que deve ser respeitado, se não quer acabar por deitar o vinho fora. A maioria dos vinhos tintos pode ser armazenada entre 2 e 10 anos; já os vinhos brancos têm uma esperança de vida menor, entre 2 e 3 anos.