Já mudámos a vida de muitas famílias. Agora podemos mudar a sua também.

25 de novembro de 2008

Emissão #905- Uma Sala lá no Alto

Antes

Depois


A Elsa candidatou-se ao programa, para remodelar um espaço “Morto”, como lhe chama. A nossa candidata, recorreu ao Querido, porque já não conseguia mais olhar para a marquise fechada que têm lá em casa.

Anteriormente um terraço, foi modificada pelos anteriores proprietários, que fizeram do espaço um salão de jogos. O lugar é amplo e carece de algumas obras, ou de muitas obras para ser mais preciso , mas a Elsa gostava muito de modificar o espaço, para criar uma sala…

A Elsa já têm uma, mas prefere passar a sala para este espaço, porque assim mudava o quarto do seu filho mais novo, o Francisco, para o seu lugar. E o Francisco foi o principal motivo, que levou a Elsa a contactar o Querido, porque sofre de doenças respiratórias e o quarto onde dorme actualmente, está ligado à divisão que se quer alterar e segundo a mesma encontra-se cheio de infiltrações.

Fomos ao local e deparamos com uma sala, com um tecto inacabado e com um chão desnivelado. A Sala têm mais ao menos, 30m2, com o tecto em chapa e janelas no seu cumprimento. Caracteriza o estilo de decoração, moderno e simples com linhas direitas. As cores preferidas são, os Castanhos, os Beges, os Verdes, detestando o Amarelo.

Uma das coisas que gostaria de manter, seriam se possível, os sofás e a mesa de snooker. Mas para decidir isso, fomos ter com o Luís Pedro, que agarrou este projecto e meteu logo mãos à Obra.

O Luís Pedro, projectou um espaço completamente diferente, baseando-se no conceito Family Room, onde cada membro da família terá o seu espaço próprio na sala. E isto porquê, porque quando estamos em casa, passamos a maior parte do nosso tempo na sala, e visto a Elsa só viver com os seus dois filhotes, o Luís Pedro não quis esquecer cada um deles.

Um dos grandes problemas deste Espaço era sem dúvida o tecto, e para resolver esta questão chama-mos uma empresa especializada. A ITEX, especialista em colocação de tectos falsos, prontificou-se logo em ajudar, criando um ambiente completamente diferente, daquele que a Elsa tinha.

Uma Varanda fechada, com mais de 30m2, com um tecto por acabar, cheio de humidade e infiltrações, um chão desnivelado e um aspecto frio era o espaço que a Elsa queria tanto mudar, um lugar quente, confortável e harmonioso, foi o que o Luís Pedro lhe ofereceu.

Veja este e outros programas do Querido Mudei a Casa, na sua Sic Mulher!!!

17 de novembro de 2008

Emissão#904 Três em Um


Antes Depois

Antes Depois


Antes Depois

O candidato do programa desta semana chama-se Leonardo Rodrigues e têm 9 anos. Decidiu escrever para o Querido Mudei a Casa, para surpreender a mãe com uma sala nova. O Leonardo gostava muito de realizar o sonho da mãe: ter uma sala bonita, isto porque gosta muito dela,e gostava muito de compensa-la por todos os sacrifícios que a mãe tem feito por ele.

Esta sala é um projecto muito complicado de se fazer, pois no prédio não existe elevador, ou seja, os acessos são 4 lances de escadas que em termos logísticos para o transporte de material pesado, exige um esforço enorme por parte da nossa equipa. Esta candidatura, só pelo facto de não ter elevador seria, à partida, excluída, uma vez que, um dos requisitos para a selecção de uma candidatura é a acessibilidade.

No entanto, como se trata de uma criança de 9 anos reconsideramos esta obra porque tivemos pena de o desiludir. Decidimos em seguida contactar a Andaluga, com quem temos uma parceria, para saber se seria possível, cederem-nos uma plataforma elevatória para ter um acesso mais facilitado até a sala.

Além dos acessos não serem os melhores e de em termos de logística ser um projecto complicado de se fazer, surgiram mais alguns problemas tais como o tamanho da sala e o pai não saber como vai tirar a mãe de casa durante 48 horas. Apesar de isto tudo, a produção do programa não desiste de investir nesta família e de ajudar o Leonardo.

A Luísa, mãe do Leonardo, tem 43 anos, é casada com o Carlos Rodrigues e tem dois filhos lindos e não podíamos deixar de mencionar que é venezuelana. Viveu na Venezuela até aos 17 anos com a mãe venezuelana, com o pai português e com o irmão. Aos 17 anos, mudou para os Açores só com os pais, pois o irmão ficou pela Venezuela. Posteriormente, a Luísa veio para Lisboa a procura de trabalho e acabou por ficar, casar, e formar uma família.

Parece que o estilo de decoração da sala ficou para nosso critério, mas pai e filho adiantaram que a Luísa gosta de cores claras, tais como: os brancos, azul bebé, ou verdes …Por ultimo há só a acrescentar que a Mãe gostaria de uma sala moderna mas clássica ao mesmo tempo.

Para este desafio, chama-mos a Beatriz Leones, que aceitou o projecto, apenas por termos referido a idade do Leonardo. Para esta casa, que como já referimos era de pequenas dimensões, a Beatriz não podia fazer só a sala e resolveu transformar o Hall, a sala e a varanda. As três divisões foram modificadas pela nossa decoradora, que utilizou Azuis e Cinzas para dar cor á casa, no Hall quis usar a sua criatividade, traçando riscas verticais de mais ou menos 25cm cada de Branco e Azul. Na pequena varanda, deu um novo chão e adaptou espaço á sala, tornando-o quase num espaço único.


Como o nosso programa é feito de surpresas, resolvemos dar um presente ao Leonardo, o seu quarto era um mar de "tralha", e não tinha por onde se pegar. Como o Leonardo é adepto do FCP, a Beatriz Leones acabou por utilizar, aqui o Azul e deu mais espaço e arrumação ao quarto.


Veja e reveja mais uma grande obra do Querido Mudei a Casa na sua Sic Mulher!!!

10 de novembro de 2008

Emissão#903 Reciclar é a Palavra de Ordem

Antes
Depois
...Por vezes, quando não existe a possibilidade financeira de se ter o que se sonha, basta apenas "arrejar" as ideias, reciclando ou mudando apenas uma ou outra coisa...

O Paulo Raminhos tem 37 anos, Trabalha na TAP, é Operador de Rampa de terminais no Aeroporto de Lisboa. Candidatou-se ao Querido para surpreender a sua mulher Sandra de 35 anos com uma cozinha nova. A produção do programa, já andava a procura de uma cozinha deste “género” e por isso a cozinha da família Raminhos preencheu claramente os requisitos que o programa procurava. Após duas cozinhas feitas novas da Leroy Merlin, muito diferentes uma outra, a primeira foi uma cozinha Romântica e a segunda uma cozinha muito moderna, chegou a vez de mostrar aos nossos telespectadores que para remodelarem as suas cozinhas não é necessário comprar uma cozinha toda nova se por vezes é possível Reciclar.

A cozinha do Paulo foi escolhida pelo seu grande potencial para reciclagem, pois como os cascos dos móveis da cozinha ainda se encontram em bom estado e só necessário mudar as portas. Além disso esta cozinha é bastante grande (24 m2) e mais parece uma cozinha de hospital (não é uma cozinha acolhedora). A Produção decidiu apostar deste projecto, porque terá com certeza um grande antes e depois, pois a cozinha actualmente é toda branca e os candidatos não gostam. Gostariam sim, de ter uma cozinha virada para tons mais escuros, mais castanhos e que fosse muito mais moderna.

O Paulo afirma que a Sandra, a sua mulher está sempre a reclamar que apesar da cozinha ser grande e com muitos armários não tem espaço para arrumar nada e está farta da cozinha e dos móveis brancos que acabam por estar sempre sujos. O sonho da Sandra era ter um sistema de arrumação porque actualmente nem sequer tem espaço para pôr o aspirador, a vassoura ou produtos de limpeza. Há que também salientar que a nossa surpreendida é costureira numa fábrica de roupa na Povoa de S. Adrião e lida muito com roupa no seu dia a dia, e apesar de tudo não tem nenhum espaço de lavandaria. (no dia em que foi feita a visita existia uma pilha de roupa na sala)

Alem de tudo isto, a produção ficou bastante sensibilizada pelo facto do Paulo querer oferecer a Sandra uma cozinha nova como presente de anos (Sandra faz anos dia 29 de Outubro) mas também é uma forma de a homenagear pela grande mulher e “lutadora” que tem sido desde que casaram. A vida destes candidatos tem passado por momentos complicados, pois após se terem casado Sandra descobriu que tinha um problema renal. Passados alguns messes foram a um médico que lhes disse que Sandra não podia ter filhos, mas por mera coincidência engravidou uma semana após a consulta. Infelizmente teve um aborto espontâneo após 5 messes de gravidez.

Nessa mesma altura Sandra já se encontrava a fazer hemodiálise. Demorou algum tempo a ultrapassar esta perda de um filho e a encarar de frente “ a hemodiálise”. Finalmente após 3 anos engravidou de novo ainda em tratamento hemodiálise, e passado 9 messes lá nasceu a Rute que hoje em dia já tem 11 anos. Após 1 ano da Rute ter nascido, conseguiu fazer um transplante de rim que dura até hoje, no entanto a Sandra diz que vive um dia de cada vez.

A Ana Proença ficou encarregue de transformar este espaço, e sem gastar muito do seu orçamento, virou-se mais para a reciclagem. A Reciclagem deu à cozinha uma nova cara, uma nova vida e alegrias para que o futuro seja mais risonho para a família Raminhos. O Chão novo, as portas dos armários de outra cor e uma junção banca da cozinha, dão a sensação de uma cozinha nova, que nem parece a mesma, e foi com a ideia de transformar sem gastar que a Ana Proença aceitou este desafio.
Reveja este e outros programas do Querido Mudei a Casa, na Sic Mulher!!!

3 de novembro de 2008

Emissão #902 Uma Sala cheia de História

Antes Depois

Antes Depois
Antes Depois



Edificada após o terramoto de 1775, esta casa sempre foi ocupada com um objectivo, servir de Mercearia. A casa foi fundada em 1875 e restaurada em 1913, desde ai passou de geração em geração ate aos nossos dias. Sempre como mercearia, o espaço leva-nos ao encontro de figuras ilustres da nossa sociedade, onde Médicos, Advogados, Escritores, Actores e Diplomatas conviveram através de uma simples ida ás compras.

Uma Mercearia de Bairro vive do convívio e da bem disposição dos merceeiros, e essas qualidades nunca faltaram nesta mercearia do Príncipe Real. Porem estes espaços estão a desaparecer, cada vez mais depressa, e mais uma casa de comercio passará a casa de habitação. Depois da loja fechar, a nossa candidata, a nova dona do lugar, pensou em fazer um espaço para os seus filhos onde pudessem receber os amigos e estarem mais à vontade. Mas como a sua filha mais velha, quem enviou a candidatura para o Querido, se vai casar, optou por fazer esta surpresa à filha.

Depois de deliberar sobre o assunto, a nossa equipe achou que modificar um lugar cheio de história, para dar lugar a uma nova história de vida, seria o ideal. Foi assim que escolhemos esta candidatura e é através de um espaço cheio de recordações que a nossa Decoradora Sofia Costa vai dar uma nova cara a este lugar.

A Leonor Ferreira, desde que têm este espaço sempre pensou em modifica-lo para que os seus três filhos pudessem receber os amigos confortavelmente. Mas quando soube que a Carolina iria casar, e sem esquecer os tempos difíceis que os jovens de hoje em dia passam para comprar casa, pensou em fazer uma surpresa à filha Carolina, e pediu ajuda ao Querido.

A nossa decoradora Sofia Costa, adorou o desafio, e quando soube que teria a possibilidade de mudar um espaço cheio de história, aceitou sem pensar duas vezes. A Mercearia estava vazia, e apenas tinha duas estantes de parede, bastantes antigas e as montras da loja, a Sofia aproveitou estes nichos para idealizar o seu projecto.


Como estava completamente vazia, a Sofia Costa optou por colocar tudo novo. Escolheu o Azul claro para dar cor e vida ao espaço, e utilizou as montras da antiga loja para transformá-las em aparadores de apoio à mesa de Jantar. Dividiu a sala em dois, a sala de Estar e a sala de Jantar e para relembrar a data de inicio do espaço deixou o marco da edificação na sala.

Neste Programa mudamos o rumo da história, não mudamos somente a vida da nossa candidata, do que espera para mudarmos a sua também.

Veja este e outros programas, na sua Sic Mulher!!!